Divulgação no Facebook: você pode fazer isso certo!

13:42

Olá, pessoas lindas, fiquei feliz em saber que tanta gente se interessou pelo post anterior e que ajudei vocês, autores, a reconhecerem seus erros nessa rede nova e em constante mutação que é o Facebook. No primeiro post desta série, falei sobre o que não devemos fazer. Alguns itens citados são bem inconvenientes, outros só não são realmente úteis, portanto, agora é hora de responder aos dez mandamentos, segundo observações e testes que fiz ao longo de quatro anos de muito trabalho em cima desta rede social.

1 - O Facebook é uma rede de relacionamento na qual as pessoas entram para interagir e seguir perfis de interesse, seja por motivos familiares, de amizade ou porque é fã. É aqui que nós entramos, autores. Nós queremos fãs e eles querem "celebridades" para seguir. Portanto, nós temos que ser mais do que escritores, temos que apresentar conteúdo interessante que ao mesmo tempo atraia pessoas e divulgue nosso trabalho. Temos que fazer um forte marketing pessoal e o Facebook é a melhor arma para isso. Faça com que seus fãs se identifiquem com você de alguma forma: seja por gosto musical, preferência de leitura, pensamentos sobre a vida/relacionamentos, enfim, pode ser qualquer coisa. Mostre que você é uma pessoa e que é acessível. Seja legal, simpático e, muito importante, seja você mesmo.

2 - Marcar pessoas pode ser legal para metade das pessoas marcadas, mas vai ser irritante para a outra metade, portanto, se quer mais audiência em um determinado post, publique-o várias vezes por dia, em diferentes horários, ou pelo menos uma vez por dia por uma semana ou um mês, porém, seja criativo, não compartilhe sem escrever nada no post e não copie e cole do post anterior. Se puder mudar a imagem, é melhor porque se alguém que já bateu o olho ignorou na primeira vez, vai fazer o mesmo na próxima postagem porque acredita que já tenha visto e não tem nenhum interesse nele. Torne cada post uma novidade, ainda que seja o mesmo assunto. Importante! Não suma! Escreva posts com regularidade, principalmente na fanpage. Quanto menos postar, mais difícil será ser visto ou recuperar a audiência perdida neste tempo distante das redes.

3 - Apesar de minhas ressalvas, grupos podem ser sim uma grande arma de divulgação. Já vi muitos que funcionam, mas acredito que exista uma tênue linha aqui. Não entre em grupos apenas para usá-los como divulgação, seu objetivo no Facebook é interagir com seus fãs, portanto, não seja alguém que joga algo e sai sem nem ao mesmo dar chance de seus leitores conhecerem você melhor. Se entrar em um grupo, seja um membro ativo, senão, é melhor sair. E se criar um grupo, convide seus fãs para fazerem parte e deixem que opinem sobre seu trabalho. Faça posts com conteúdo exclusivo para eles participarem, surtarem e pedirem mais. Crie um grupo específico para uma obra ou como autor.

4 - Se você tem um perfil que bomba, preste atenção nos posts que são mais curtidos e mais comentados. Esses são os seus trunfos, use-os, mas não bombardeie seu perfil com propaganda! Você está na rede para se relacionar, tenha isso em mente toda vez que for promover seu trabalho. Se alguém te adiciona, faça igual muitos autores, agradeça a amizade e convide este novo fã a conhecer sua fanpage e seu livro. É um belo "bem-vindo" que pode gerar uma nova e saudável relação autor-leitor no Facebook. PS: cuidado com seu inbox. Não o ignore. Seja gentil, educado e presente. Dê ao seu fã o carinho e a atenção que ele merece e ele só se interessará mais por você e seu trabalho, mas não use para fazer spam, nunquinha.

5 - Cuidado com posts depreciativos, sua imagem é a única coisa que deve ficar intacta nesta jornada. Cuidado com polêmicas ou agressividade. Isso pode gerar uma imagem negativa que ninguém quer ter. Fique atento ao que estão falando sobre você e sua obra. Acompanhe os blogs literários, faça inscrição de alertas no Google e receba avisos por e-mail caso alguém te cite em um post. É muito simples cadastrar as palavras-chaves. Também existem ferramentas (pagas) para gerenciar mídias sociais e receber relatórios sobre menções em qualquer mídia social. Precisa estar atento ao que pensam sobre você.

6 - Responder insultos não vai lavar sua alma e excluir os comentários pode virar um holofote na sua cara. De escritor legal, você passa a ser um réu, ditador e quantos mais adjetivos negativos possam inventar. Se alguém fez uma crítica sobre seu livro, leia, agradeça e siga em frente. Se essa crítica for construtiva, absorva e tente melhorar, ninguém é perfeito e sempre temos algo a aprender. Se acredita que é o sabichão e o fodão, eu sinto muito, mas essa carreira não é para você. Se acha que seu texto de cinco anos atrás é bom, é porque você não evoluiu em nada e seus fãs verão isso. E, pior, você poderá perdê-los. Não se importe em crescer. Isso só vai fazer bem tanto para você quanto para suas obras.

7 - Ser quem você é nas redes sociais pode ser perigoso e por isso tanta gente tem receio, mas é necessário. Porém, tem como ser você mesmo sem cair em uma exposição desnecessária e irritante. O segredo está em não ser impulsivo. Pense, reflita, tenha certeza de que não terá problemas por escrever/postar determinado assunto/foto. Esse post vai repercutir positiva ou negativamente? É essa imagem que você quer passar para seus leitores? Se você for racional antes do sentimental, vai fazer isso certo, mesmo quando for expor emoções, o que também é permitido. Mas não se esqueça: não se faça de coitadinho nem de EU SOU O MÁXIMO. São extremos nada agradáveis.

8 - Siga seus colegas, observe o que estão fazendo, analise os posts deles que dão certo e aprenda. A observação no Facebook é o que me fez começar a acertar. Nem os cursos que fiz foram tão úteis. Mas não seja egoísta. Prestigie seus colegas, curta, comente, interaja. Compre seus livros e leia. E, o mais fundamental, indique. Toda vez que você fala de um livro na rede, é mais um leitor se interessando e comprando. E seus leitores podem sim se interessar pelo livro do colega, por que não? Como eu disse anteriormente, não existe exclusividade nesta carreira, mas existe indicação e ela é uma grande armar de divulgação de livros, sempre foi e sempre será.

9 - Editoras é um assunto complicado, já que é difícil entrar para uma, muito difícil. A Amazon se mostrou uma grande vitrine, os editores estão de olho. E agora que a Veja está fazendo parceria com a loja, ficou ainda melhor para nós. Você tem um livro, já investiu em revisão, copidesque e capa, mas não foi aceito em nenhuma editora? Não se lamente! Existe o Wattpad onde você pode disponibilizar sua obra inteira ou uma parte dela para degustação de graça e ter retorno de muitos leitores. É uma ferramenta que ajuda no quesito "insegurança". Então, você pode entrar para a vitrine virtual da Amazon, divulgar, se destacar no ranking, ter comentários positivos e ser visto por uma editora, e ainda ganhar dinheiro. Pense nisso! PS: Já está vendendo na Amazon e conquistou um número acima de mil leituras no Wattpad? Compartilhe o print no seu facebook e surte com seus leitores <3

10 - Não deixe de fazer promoções no Facebook, mas não force like e interação. Você precisa conquistar. Eu quebrei a cabeça por um tempo com isso. Ficava doida porque minha página não ganhava likes, mesmo quando eu convidava meus dois mil amigos para curtir. Resolvi sortear um livro a cada cem likes, mas a frustração tomou conta, porque nem assim tive a interação que eu queria. Foi aí que eu descobri o segredo. O novo sorteio deste mês eu não exigi nada! A pessoa apenas tem que participar no aplicativo do Facebook, onde eu convido cada participante a curtir a fanpage, tanto minha como do livro. E qual não foi minha surpresa ao perceber que os leitores simplesmente surtaram! Eles estão não só participando, quanto curtindo e compartilhando espontaneamente. E isso fez com que mais gente entrasse no sorteio. Nunca antes tive tanta gente interagindo na minha página! Outra coisa. No dia que lancei o sorteio, eu promovi por apenas cinco dólares e vinte e quatro horas o post com o link da promoção e, desta forma, conquistei mais gente fora do meu círculo de amizade do que poderia ter feito antes. O alcance foi mágico! É algo que pretendo fazer sempre. Já vi autores que estão em grandes editoras promovendo seus lançamentos desta forma e percebi que a interação é muito maior, porque o alcance também é. Portanto, vale a pena gastar uma graninha para promover sua página e fazer com que mais leitores conheçam sua obra. Aproveite promoções e lançamentos para investir porque chamará mais atenção.

Bem, pessoal, é isso que eu tinha para falar sobre o Facebook. Garanto a vocês que essa interação vai trazer mais leitores e, consequentemente, poderá aumentar suas vendas. Mas o foco, sempre lembrem-se disso, é a amizade e a interação. Não foque em vendas porque não funciona assim em mídias sociais. Foque em posts que façam as pessoas interagirem, comentarem, curtirem e compartilharem. Você está mais promovendo sua imagem do que suas obras. Torne-se uma pessoa interessante para ser seguida por uma legião de fãs e eles se interessarão pelo o que você escreve. Boa sorte!
Ah, no próximo post vou falar sobre as outras mídias sociais que também são úteis. Beijão!

You Might Also Like

12 comentários

  1. Suas dicas estão simplesmente perfeitas, Josy <3 <3 Já estão num arquivo, junto com as outras, para serem devidamente estudadas. Muito obrigada por essa força tão grande que está dando para os autores iniciantes, assim como eu <3 <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Shirlei, feliz demais em ajudar! Quebrei a cabeça por um tempo até começar a acertar de fato rsrsrsrs Beijos e até o próximo!

      Excluir
  2. Maravilhoso o post! Dicas muito boas e bem simples de serem seguidas e você obtém um ótimo resultado! Disse tudo e mais um pouquinho, Josy... Muito bom mesmo!

    Parabéns :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Lucas, feliz em ajudar outros autores que estão começando e tentando quanto eu. Beijos

      Excluir
  3. E eu me perguntando ontem quando publicarias esse bendito post. Espetacular Josy! ^ ^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Taí, Wilcky!!! Que bom que gostou!!! Bora conhecer todas as ferramentas baratas para divulgação na internet.

      Excluir
  4. Parabéns pelo texto bem explicado e muito útil.

    Beijos Fabi

    ResponderExcluir
  5. Muito didático. Amei! O pior foi descobrir que faço tudo errado, mas sigamos!
    Obrigada Josy!

    ResponderExcluir
  6. Oi, Josy!
    Conhecendo o seu blog por indicação do Elton Moraes. Muito bom! Adorando suas dicas. É sempre bom aprender com outros autores.
    Abraços

    ResponderExcluir

Curta a FanPage

Siga o Twitter

Adicione-a aos seus Círculos